19 setembro, 2014

Sexta...

Hoje temos camarão, damasco e açafrão, experimente, funcionam.

Camarão com Damasco e Açafrão
Ingredientes:
700 g de camarão rosa limpo
4 colheres de sopa de azeite extra virgem
Sal e pimenta do reino
2 colheres de sopa de manteiga sem sal
½ xícara de cebola picada em cubos pequenos
2 colheres de sopa de farinha de trigo
250 ml de camarão ou de peixe
250 ml de creme de leite fresco
1 colher de café de açafrão em pó
1 xícara de damasco seco, cortado em cubos médios
Preparo:
Tempere o camarão com sal e pimenta.
Aqueça bem uma panela.
Coloque um pouco de azeite na frigideira e grelhe os camarões, poucos por vez, até ficarem bem dourados. Reserve.
Na mesma frigideira, adicione a manteiga e refogue a cebola até murchar.
Junte a farinha e misture bem.
Acrescente o caldo e o creme de leite aos poucos, mexendo sempre para não empelotar.
Finalize adicionando o açafrão e o damasco.
Cozinhe por 5 minutos em fogo baixo e adicione o camarão. Cozinhe por mais 3 minutos.
Corrija o sal e a pimenta.

Sirva imediatamente.

Bom final de semana.

17 setembro, 2014

Quarta...

Não costumo escrever sobre minha vida, mas vamos lá, nasci em 63, no século passado, meses antes da famosa revolução militar brasileira, desta forma passei todo meu período estudantil sob a “égide” do regime militar.
Se a disciplina era rígida, “sobrevivíamos” com criatividade, “subvertendo a ordem” de maneira sutil e eficaz, claro que sem prejudicar qualquer pessoa, por pior que fosse.
Passamos por tudo sonhando com a liberdade dos norte americanos, não com ditadura cubana ou soviética, que eram, ou são, regimes muito mais opressores, principalmente na década de oitenta, a famosa década perdida.
Escrevo isso ainda baseado na informação de ontem, quem afirma que vivemos em um estado opressor e é a favor do comunismo, quem afirma isso não deve ter noção do que fala ou a mínima noção da história contemporânea.
São do tipo que adoram as ditaduras de esquerda, mas odeiam as de direita, como se houvesse diferença ente elas além do nome do assassino que está poder.

Depois querem que os levem a sério em uma eleição, se bem que sempre tem uma meia dúzia de desinformados para “engolir esta ladainha”. 
Ou não?

16 setembro, 2014

Terça...

Que não faltam bobos para serem enganados não resta a menor dúvida e que existem muitas “Maria vai com as outras” também não.
Escrevo isso por ter lido que uma candidata ao senado de um destes partidos de esquerda que se dizem Marxistas, mas creio nunca terem lido “O Capital”, que afirma estarem se armando para lutar contra este governo opressor(???).
Este governo pode ser tudo, pode até estra planejando ser, mas ainda está longe de ser opressor, todos sabem que não sou a favor do que está ai, como também sou contra qualquer tipo de violência, por isso sou a favor do debate de ideias, da revolução pelo voto, de que os fatos, digamos, anormais sejam resolvidos pela justiça.
Já tivemos revoluções, não lembro de uma que tenha vencido na luta armada, venceram as ideias, como o lindo movimento das da “diretas já!”.
Não estás contente, vote no dia 05/10 contra o que está ai, escolha seu candidato, caso ele não obtenha sucesso que se torne oposição, continue divulgando seus ideais e saiba que se aprende mais na derrota do que na vitória.
Sei que para quem está “cego” por uma ideologia estas palavras são vãs, mas não custa tentar.

Ou não?

15 setembro, 2014

Segunda...

O feudo Elliv Nioj está localizado no Reino dos Manguezais, fazendo parte do império do Lisarb, o incrível é que apesar de distantes na ideologia, a Imperatriz é “ex-guerrilheira” e o alcaide é empresário, o estilo de governo é o mesmo, vive de ilusão, de dados fictícios que repetem feito um mantra, tantas vezes que acreditam ser verdade.
Enquanto no império as obras não saem do papel por excesso de corrupção e descaso com a população no feudo é por incompetência e teimosia.
Ambos estão mal assessorados e não admitem o que leva a este governo que beira o marasmo absoluto.
Outras coincidências, enquanto no feudo as ruas estão cada dia mais esburacadas, as estradas imperiais que não estão privatizadas são deixadas em segundo plano, com manutenção quase nula.
Em outubro a população imperial terá a chance de iniciar uma grande mudança, ou melhor, escolher entre a continuidade da mesmice ou a volta do desenvolvimento, do crescimento econômico, etc.
Muito embora o império tenha um eleitorado “cativo, iludido”, que “vende” seu voto por M$ 77,00 (merrecas), é possível mudar, basta acreditar.


Obs.: Lembro que as postagens de segunda-feira fazem parte de uma obra de ficção, qualquer semelhança com a realidade será mera coincidência.

12 setembro, 2014

Sexta...

A receita de hoje possui apenas três ingredientes principais que resultam um prato harmonioso e, porque não dizer, chique.

Mignon com linguiça calabresa caramelizada
Ingredientes:
700 g de Filet Mignon (inteiro)
1 linguiça calabresa
4 colheres de sopa de açúcar mascavo
Sal e pimenta do reino a gosto
Preparo:
Tempere o filet mignon com sal e pimenta e coloque em uma assadeira.
Deixe descansando por 10 min.
Se quiser, regue com um fio de azeite.
Enquanto isso, corte a linguiça calabresa em cubos.
Em seguida, coloque-os numa panela, com o fogo alto.
Não necessita de azeite nem manteiga, pois a linguiça vai fritar na própria gordura.
Quando estiver frita, acrescente o açúcar mascavo e misture, até que caramelize as linguiças.
Agora, é só cobrir o filet mignon com a linguiça caramelizada e levar ao forno médio (180ºC) por cerca de 30 min., ou 40 min. se desejar mais assado.


Bom final de semana.

10 setembro, 2014

Quarta...

Imagine que gerimos uma empresa que vai mal economicamente por péssimas decisões de nossos diretores e daqui a aproximadamente um mês teremos uma reunião do conselho administrativo para decidir quem será o gestor a partir do próximo ano.
Temos consciência que pelos nossos resultados seremos demitidos, para evitar tamanha “tragédia” iniciamos a divulgar que se formos mantidos nos cargo trocaremos os diretores responsáveis pelo fracasso, mas só se formos mantidos no cargo.
Desta forma deixaremos claro que não temos coragem para promover as atitudes necessárias imediatamente e eliminamos toda e qualquer chance da atual equipe ao menos tentar resolver a situação, persistindo no erro ou usar o famoso “deixar como está para ver como é que fica”.
Algo inaceitável no ritmo do mundo atual.
Assim está o governo brasileiro, a atual Presidente afirma aos “quatro ventos” que mudará a equipe econômica caso reeleita, pois não está satisfeita com o rumo econômico do país.
O mesmo ministro que esta no cargo desde o governo passado, onde já não acertava, mas por ter o padrinho que é considerado um deus no PT continuou no cargo.
Agora que a eleição está perdida acena com promessa vazia.

Afinal este é o governo do PT, fazendo de tudo para ferrar você.

09 setembro, 2014

Terça...

Infelizmente as notícias dos absurdos financeiros que ocorrem no Petrobras não me espantam, há mais de 10 anos o país é administrado de maneira vil e irresponsável.
Quanto a Petrobras, desconfio que se a examinarem a partir do dia da sua criação, descobrirão que, com raras exceções, as decisões são totalmente políticas e nebulosas, como colocar refiarias a milhares de quilômetros da extração, extrair no estado “A” e pagar royautes para o estado “B”.
Esta mesma investigação deveria ser realizada nos Correios, no BB, na Caixa, no BNDES, etc.
Não afirma que existe corrupção em todas, mas não custa averiguar, aliás, é um dever averiguar.
Isto deveria ser regra nos três níveis administrativos, muitos desvios seriam evitados, mas isto não interessa a quem está no poder.
Por muito menos já cassaram presidente, corretamente, mas pelo jeito, só cassaram porque não dividiu.
Nos aproximamos de 05/10, dia de iniciarmos uma grande mudança, que não significa trocar seis por meia dúzia, ou o PT pelo PT 2.0.

Acorda BRASIL!!!!!